Controle de ponto na hotelaria: Como melhorar?

O controle de ponto na hotelaria é desafiador pelas diferentes escalas de trabalho. Apesar disso, traz grandes benefícios!

Apesar de poucas pessoas terem conhecimento sobre como funciona a gestão do ramo hoteleiro, uma coisa é certa: esse é um dos nichos de mercado mais corridos. Aliás, são muitas as preocupações para garantir uma boa experiência para o hóspede, que reflete diretamente no faturamento do estabelecimento.

Ainda assim, alguns aspectos são tão desafiadores quanto em outros nichos de negócio. Um deles é no que diz respeito ao controle de ponto. Aliás, para a hotelaria, existem aspectos diferentes na lei trabalhista que merecem atenção. Quer saber quais são e como evitar um processo trabalhista? Leia esse artigo!

Jornada de trabalho na hotelaria

Apesar de existirem funcionários que se aplicam a jornada de trabalho mais conhecida, de 44 horas semanais, existem colaboradores que possuem um sistema diferente de horas. Isso porque, como é notável, um hotel não pode parar e funciona 24 horas por dia. Ou seja, algumas funções são quase que ininterruptas.

Como pode perceber, organizar essas escalas de trabalho é um verdadeiro desafio. Para facilitar a sua gestão, posso te afirmar que os sindicatos das categorias de recepcionistas, bartenders e profissionais de segurança permitem a jornada de trabalho 12×36. Portanto, facilita a gestão das horas por parte da hotelaria.

Por outro lado, para que outras funções tenham essa jornada de trabalho, é necessário buscar um acordo com o sindicato da categoria. Agora, se o seu negócio é grande e exige a presença constante de um profissional de saúde, o acordo pode ser feito individualizado, conforme orienta o § 2º do art. 59-A da CLT

Apesar da jornada de trabalho 12×36 resolver boa parte dos problemas com os horários noturnos, é preciso tomar cuidado para que o colaborador não se sinta cansado com esse regime de trabalho. Ou seja, você pode pensar em outras alternativas, como considerar os horários mais comuns de check-in e check-out.

Turnos comuns na hotelaria:

  • 1º: Das 7h às 15h.
  • 2º: Das 15h às 23h.
  • 3º: Das 23h às 7h.

Horas extras na hotelaria

Controle de ponto na hotelaria - MarQPonto

Como em todos os nichos de mercado, se o colaborador possui uma jornada de oito horas diárias, pode fazer horas extras. O Artigo 59 da CLT permite que sejam feitas até duas horas extras, que devem ser remuneradas. Mas atenção, não deixe que isso se torne rotina, já que impacta negativamente no orçamento do hotel.

Não se esqueça que o trabalho em dias combinados para folga são computados como hora extra. Ou seja, se uma recepcionista ou qualquer outro funcionário costuma folgar aos domingos, você não pode mudar repentinamente esse dia de descanso. Para casos urgentes, faça um acordo para compensar com horas extras.

Por que fazer o controle de ponto na hotelaria?

É importante fazer o controle de ponto na hotelaria para evitar que o colaborador esteja trabalhando mais do que é permitido. Aliás, qualquer hora extra que não seja computada, pode trazer um processo trabalhista que gera muitos danos para a empresa. Por isso, controlar o ponto se torna fundamental para qualquer negócio.

E se o seu ramo hoteleiro já está grande e possui mais de 20 colaboradores, o controle de ponto é obrigatório, conforme orienta o Artigo 74 § 2 da CLT. Por outro lado, ainda que você tenha menos funcionários, o controle de ponto garante que você não gaste mais do que o necessário com horas extras.

Como facilitar o controle de ponto na hotelaria?

Com tantas escalas de trabalho diferentes e jornadas de trabalho que possuem trabalho noturno, controlar o ponto é um tremendo desafio. Apesar disso, hoje já existem sistemas de ponto eletrônico que automatizam esse processo e garantem que as horas estão sendo pagas da maneira correta.

Portanto, se você quer diminuir as horas extras da sua equipe e identificar quais setores podem estar sobrecarregados, opte por esse controle. Além disso, existe a facilidade de montar a folha de ponto de acordo com as necessidades da sua empresa. Assim, você pode gastar o seu tempo com outras preocupações do hotel.

Benefícios de controlar o ponto na hotelaria

Quando você começar a controlar melhor o ponto da sua hotelaria, vai diminuir os custos com a folha de pagamento. Além disso, se optar por um sistema de controle de ponto eletrônico, terá acesso em tempo real aos registros. Diminuindo o gasto de tempo de Recursos Humanos, você pode investir no seu pessoal.

Aliás, no ramo da hotelaria os colaboradores lidam diretamente com os clientes e são a imagem da empresa. Por isso, é importante estar atento a capacitação dos funcionários para melhorar o atendimento ao cliente. Dessa forma, você fideliza o seu público e aumenta as chances de fazer o seu negócio crescer.

Sistema de ponto eletrônico para hotelaria

Se você está buscando um sistema de ponto eletrônico que atende todas essas necessidades, quero te apresentar a MarQPonto. Esse software permite uma gestão fácil do banco de horas dos funcionários, além de permitir que você registre diferentes escalas de trabalho para os funcionários.

Com a possibilidade de registrar o ponto por aplicativo, web ou tablet, o custo para implantação é quase zero. Se você quer economizar tempo e dinheiro, para investir no seu pessoal e em melhorias para o hotel, teste o sistema gratuitamente. Se preferir, converse com a nossa equipe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *