Como implementar benefícios flexíveis na sua empresa

Atualmente muito se fala sobre benefícios flexíveis, mas vocês sabem o que é a cultura de benefícios? Ela refere-se a um conjunto de diretrizes que orientam a oferta de benefícios corporativos dentro de uma empresa.

Para isso é importante considerar o formato da sua empresa, e também saber identifcar o perfil da empresa e seus colaboradores. Isso é muito importante para poder considerar quais benefícios fazem sentido para as necessidades do seu time.

Beneflex

Tudo isso tem objetivo em fazer com que o colaborador se sinta valorizado pela empresa, para que assim possa entregar melhores resultados. Isso ajuda em diversos aspectos e até mesmo a reduzir a taxa de turnover. Quando os funcionários estão desmotivados, eles afetam diretamente o desempenho do negócio.

Qual a importância da cultura de benefícios?

Já abordamos anteriormente aqui no blog da MarQ sobre a importância de reter talentos dentro da sua empresa, pois para manter um talento dentro da sua empresa é preciso oferecer além de um salário. Por esse motivo, a cultura de benefícios é um diferencial competitivo que ajuda não só atrair os melhores profissionais, mas também mantê-los na empresa.

Existem vários tipos de benefícios que podem ser oferecidos aos seus colaboradores. Essa estratégia faz com que o seu negócio se torne mais valioso aos olhos dos profissionais. Logo, é possível:

  • reduzir o turnover, uma vez que os colaboradores tendem a pedir menos demissão;
  • aumentar a produtividade interna, pois há um engajamento maior dos profissionais, os quais trabalham mais motivados;
  • reduzir as taxas de absenteísmo, principalmente nas empresas que oferecem o benefício de plano de saúde. Nesse caso, por exemplo, o colaborador tende a se ausentar menos, pois terá mais oportunidades para marcar exames e consultas fora do horário de expediente.

Como aplicar benefícios flexíveis na sua empresa?

Já deu para perceber como é importante implementar uma cultura de benefícios na sua empresa né?

Mas você sabe por onde começar?

A seguir, separamos as principais ações para serem colocadas em prática o quanto antes para alcançar esse objetivo.

Faça uma pesquisa

Essa primeira etapa é muito importante para entender, quais beneficioso fazem sentido para seus colaboradores, pois em uma empresa com diferentes perfils nem sempre o que é bom para um é bom para todos.

Feito isso, será identificado dentre as categorias como: alimentação, refeição, cultura, mobilidade, saúde, educação, home office ou saldo livre. Quais são convientes para a sua empresa e para os colaboradores.

Essas informações ajudam o time de Recursos Humanos a ter uma visão mais realista dos desejos dos colaboradores e a elaborar uma cultura de benefícios mais alinhadas.

Analise o perfil da empresa

Nesse momento, você precisa levar em consideração os valores do seu negócio e como ele deseja ser reconhecido pelos talentos no mercado. Além disso, é importante estar atento às gerações que fazem parte do seu quadro de colaboradores, uma vez que determinados benefícios podem não ser tão atrativos assim para elas.

perfil da empresa

Por exemplo, há gerações, como a Baby Boomers, que priorizam benefícios ligados à previdência privada e ao plano de saúde. Já a geração X dá prioridade a horários flexíveis e ao home office, a fim de ter mais equilíbrio entre a vida profissional e pessoal.

Considere a saúde financeira da empresa

Outro ponto importante que você precisa observar é a viabilidade financeira da empresa oferecer determinados benefícios. Sabemos que o seu desejo, como gestor, é oferecer aos seus colaboradores as melhores vantagens, porém, é necessário observar se o orçamento da empresa suporta tais investimentos.

Portanto, faça uma análise detalhada e realista dos seus custos para não ter conflitos futuros com o seu fluxo de caixa e, consequentemente, desmotivar os colaboradores por causa de atraso de salários e outros transtornos que podem ser causados quando o orçamento é afetado.

Esteja atento às regras

Dentro do seu planejamento junto com o setor de RH é preciso observar quais são as regras que são impostas aos benefícios oferecidos em sua empresa. Isso é fundamental para evitar erros que podem prejudicar os colaboradores e, com isso, comprometer a reputação do seu negócio.

Lembre-se de que se você quer oferecer benefícios aos seus colaboradores, é necessário seguir à risca as regras para realmente conseguir manter seu time motivado e sem preocupações.

Verifique os concorrentes

Verificar o que seus colaboradores estão fazendo para reter os talentos é um passo fundamental para não errar na escolha dos benefícios. Nesse momento, é interessante realizar uma pesquisa para entender a cultura de benefícios das outras empresas de modo geral. Com esses dados em mãos, é possível identificar possíveis diferenciais competitivos que tornam a sua empresa mais atrativa aos olhos dos profissionais.

Tenha em mente que, se você oferecer um pacote de benefícios muito inferior às demais empresas, dificilmente os talentos optarão por trabalhar para você. Logo, o seu negócio perderá em mão de obra eficiente e em bons resultados.

Utilize ferramentas de gerenciamento

Fazer o gerenciamento dos benefícios da empresa não é uma tarefa tão simples. Nesse momento, contar com o auxílio da tecnologia é fundamental para manter uma boa organização e gestão dos benefícios.

Com uma ferramenta eficiente de gerenciamento, você conseguirá evitar atrasos e erros de cálculo que podem frustrar seus colaboradores — além de causar confusões e conflitos com o time de RH.

Essa ferramenta trará mais agilidade e precisão para o controle dos benefícios, permitindo uma gestão mais enxuta e de qualidade. Logo, seus colaboradores ficarão mais satisfeitos, uma vez que, além de atender suas necessidades, não haverá frustração na hora de ter acesso a tais benefícios.Trabalhadora

Percebeu como não há segredos em implementar uma cultura de benefícios na sua empresa — se você oferecer um cartão benefício, todo esse processo será ainda mais facilitado. Por meio dele, você consegue concentrar em um só lugar todos os benefícios, tanto os flexíveis quanto os tradicionais. Ao oferecer benefícios aos seus colaboradores, sua empresa ganha em produtividade, engajamento, fidelização de talentos e muito mais!

Conclusão

Os benefícios flexíveis foram pensados para suprir necessidades extras dos colaboradores, e fugir do tradicional VR e VT que a maioria das pessoas já nem considera mais como benéficos, já que a maioria das empresas os disponibilizam.

Essas vantagens são um diferencial, considerando que muitos talentos avaliam os benefícios antes de escolher ou não trabalhar em um lugar, sendo esse um chamariz para os melhores profissionais do mercado.

Apesar de parecer uma questão fácil, é muito importante que o RH saiba definir bem o perfil dos colaboradores da empresa, pois somente assim conseguirá determinar quais os pacotes de benefícios flexíveis para eles.

Outro fator a ser considerado nesta gestão está relacionado aos valores de cada benefício oferecido, principalmente considerando que caso qualquer pessoa seja beneficiada ou prejudicada por esse benefício, a empresa poderá sofrer com ações trabalhistas.

Por fim, podemos avaliar que os negócios que disponibilizam benefícios flexíveis tendem a atrair mais talentos, motivar os trabalhadores e com isso se tornam mais produtivos, ou seja, os benefícios são vistos não só pelos colaboradores, mas também pelo empreendimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *